Participaram na votação 15,52 por cento dos mais de 167 mil eleitores inscritos nas representações diplomáticas portuguesas estrangeiro, registando-se 170 votos em branco e 3750 nulos.Foi na Europa que o PS e o PSD conquistaram, cada um, mais um deputado para reforçar as respectivas bancadas parlamentares, cabendo aos socialistas a vitória no círculo eleitoral com 43,02 por cento de votos, com uma abstenção de 76,87 por cento.

Fora da Europa foi o PPD/PSD o partido mais votado, com 54,48 por cento, seguido pelo Partido Socialista, com 22,04. Este resultado proporcionou aos sociais-democratas dois dos três lugares assegurados no estrangeiro. Neste círculo eleitoral a abstenção atingiu os 88,8 por cento.

No círculo eleitoral onde se integra Moçambique – Países da América e África, excluindo Brasil, Canadá e EUA – a vitória também coube ao PPD/PSD com 64,41 por cento, seguido do PS com 22,74 por cento. Votaram apenas 1051 eleitores, correspondente a 6,31 por cento dos mais de 16 mil eleitores recenseados.

Comentar


Código de segurança
Atualizar

jornalarte quad

pontalingua quad

letraletra quad

despesc

Topo