Eugénio Anacoreta Correia, presidente do Conselho de Administração do OLP, garantiu que o sítio oficial na Internet (http://observatorio-lp.sapo.pt/pt) constitui o “início de um novo ciclo” para a manutenção e desenvolvimento da língua portuguesa, atendendo aos conteúdos, ferramentas e funcionalidades que a plataforma oferece à escala mundial. Entre as ofertas contam-se notícias, o novo acordo ortográfico, ferramenta para dissipar dúvidas sobre a utilização da língua, artigos de opinião, dados estatísticos mercê de uma parceria com o Instituto Nacional de Estatística (INE), bem como cursos de formação à distância. Promove, ainda, um programa de voluntariado para a leitura, por via de um acordo assinado com o Ministério da Educação.

A plataforma foi construída pela SAPO e o OLP desenvolve a sua actividade em parceria com a Associação de Professores para a Educação Intercultural (APEDI), Ciberdúvidas da Língua Portuguesa, CPLP (Comunidade dos Países de Língua Portuguesa), Fundação Cidade de Lisboa, INE, Plano Nacional de Leitura, Portugal Digital, Priberam e Promothean, para além da já citada SAPO.

A língua portuguesa é hoje falada por cerca de 250 milhões de pessoas em todo o Mundo e tem ganho relevância, nas últimas décadas, em países da América Latina e da África de influência francesa, bem noutros mais longínquos como a China, Índia e Japão. É a sexta língua mais falada no Mundo e a terceira europeia de maior implantação à escala planetária. Segundo Guilherme de Oliveira Martins, presidente da Assembleia Geral do OLP, “no século XXI, falar da cultura e da língua, falar do património cultural é falar de um elemento absolutamente fundamental na criação da riqueza, de valor.”

O OLP pretende, de acordo com os seus estatutos, para além de se constituir como um agente cultural com vocação pública, contribuir para o conhecimento e divulgação do estatuto e projecção no Mundo da língua portuguesa, o estabelecimento de redes de parcerias visando a afirmação, defesa e promoção da língua portuguesa e para a formulação de políticas e decisões que concorram relevantemente para a afirmação da língua Portuguesa como língua estratégica de comunicação internacional.

Visite o Observatório da Língua Portuguesa.

Comentar


Código de segurança
Atualizar

jornalarte quad

pontalingua quad

letraletra quad

despesc

Topo