O funcionamento do planetário está integrado no projeto "O céu nas nossas mãos" em desenvolvimento, há dois anos, na EPM-CELP. As sessões já realizadas foram dinamizadas por Hélder Geraldes que abordou, nomeadamente, as seguintes questões suscitadas a partir da observação dos astros no planetário: as estações do ano, as fases da lua, os movimentos lunares ao redor da Terra, planetas do sistema solar, "chuva" de estrelas, estrelas cadentes, anéis de Saturno.

Após o termo das férias escolares da quadra festiva, o planetário retomará em janeiro a sua atividade dirigida aos estudantes.


Comentar


Código de segurança
Atualizar

jornalarte quad

pontalingua quad

letraletra quad

despesc

Topo