web rececaox 19 20
Emoção, diversão e propostas de novas descobertas envolveram as sessões de boas-vindas, nas manhãs de hoje e de ontem, dos nossos alunos do primeiro ciclo do ensino básico e do ensino pré-escolar. Terminado o período de férias, os petizes encaram os desafios do novo ano letivo 2019/2020.

Ontem, para a maioria foi a satisfação de voltar a abraçar os amigos em diversos lugares da Escola e partilhar momentos de descontração e aprendizagens múltiplas, tal como foi mais visível entre os alunos do primeiro ciclo, no campo polivalente, enquanto pais e encarregados de educação mantinham encontros com a Direção da Escola para perspetivar a caminhada e sucesso dos seus filhos.

O novo ano letivo realça a missão de consolidar o Projeto de Autonomia e Flexibilidade Curricular, tornado público no ano passado. O plano foi concebido no âmbito da reorganização curricular proposta pelo Ministério da Educação do Governo de Portugal para o sistema educativo português, visando a promoção da qualidade do ensino e da aprendizagem, a garantia de uma escola verdadeiramente inclusiva e a valorização das línguas estrangeiras enquanto veículos de identidade global e multicultural, entre outras inovações. Inicialmente dirigido aos anos de escolaridade de início de ciclos, alarga-se agora aos anos subsequentes.

Na manhã de hoje, cores, gritos e risadas tomarem conta do bloco do pré-escolar. Os baloiços, a bola, os desenhos e os vários brinquedos foram a principal atração dos que, pela primeira vez, se juntaram à comunidade da EMP-CELP e, com muitas saudades, para os que regressaram de férias. Caras novas, de alunos e professores, rapidamente se tornaram familiares.

Ana Silva Falcão, nova coordenadora do ensino pré-escolar na nossa Escola, revelou estar a gostar de Moçambique, sublinhando que a EPM-CELP “tem todas as condições para ter ótimos resultados do trabalho que vamos fazer”. Por isso, “quero dotar as crianças de capacidade para crescerem. Isto é, mais do que ensinar conceitos, ensinar a crescer e a serem cidadãos com todas as competências necessárias, para serem adultos responsáveis”, acrescentou.

Ouvido pelo nosso “portal” quanto a desafios e soluções educativas, Aires Pinto, que tem a sua filha pela primeira vez na EPM-CELP, espera que seja uma experiência gratificante e boa para a petiz, tal como foi com o primeiro filho, agora no quarto ano de escolaridade. O encarregado de educação revelou que a escolha pela EPM-CELP ficou a dever-se à qualidade de ensino que a instituição oferece: “Pesquisamos outras escolas e vimos que, em termos de ensino da língua portuguesa, é, neste momento, a melhor de Moçambique”, sustentou.

O dia de amanhã está reservado para a receção dos alunos dos segundo e terceiro ciclos do ensino básico e, na quinta-feira, para o acolhimento dos estudantes do ensino secundário. O início das aulas para estes alunos está marcado para próxima segunda-feira (dia 9).

Comentar


Código de segurança
Atualizar

jornalarte quad

pontalingua quad

letraletra quad

despesc

Topo