web jcraveirinhaCom o objetivo de integrar a família Craveirinha na inauguração da futura Biblioteca Escolar Poeta José Craveirinha da Escola Secundária Estrela Vermelha (ESEV), as docentes da EPM-CELP, Ana Albasini e Isabel Mota, e o diretor da ESEV, Gilberto Reis, acompanhado por um grupo de professores da mesma escola, visitaram ontem a Fundação José Craveirinha, onde foram recebidos por Zeca Craveirinha, filho do poeta.


No âmbito da cooperação portuguesa, a EPM-CELP, através do projeto "Mabuko Ya Hina" e do Programa de Educação para o Voluntariado, tem vindo a intervir na biblioteca da ESEV, reabilitando o espaço e catalogando todo o acervo bibliográfico. Concluído o trabalho, é hora de preparar a inauguração da biblioteca, que irá ter como patrono o consagrado poeta moçambicano José Craveirinha.

“Zeca” Craveirinha recebeu a equipa visitante de forma calorosa, apresentando todos os compartimentos da casa onde viveu José Craveirinha entre 1976 e 2003. Os visitantes tiveram ainda oportunidade de conhecer os locais onde o poeta costumava escrever e todo um magnífico espólio de livros e de peças de arte. A figura do poeta José Craveirinha fez-se sentir através da fisionomia do filho e dos seus gestos e palavras. Foi entre as várias paragens desta viagem literária, cultural, histórica, pessoal e intemporal que os presentes foram acordando ideias para a inauguração da futura Biblioteca Escolar Poeta José Craveirinha da ESEV.

Fica aqui lançado o desafio a todos quantos se interessam pela literatura e cultura moçambicanas, em particular pela vida e obra do poeta Craveirinha, para visitarem a Fundação José Craveirinha.

jornalarte quad

pontalingua quad

letraletra quad

despesc

Topo